MixLit 21: Não desta vez

Os meninos do bairro iam nadar. Jogam-se na água suja da orla, misturada com petróleo e graxa dos barcos, e merda e urina da cidade. As águas servidas vão para o mar, mas de qualquer jeito lá vão os meninos e alguns adultos.(1)Uma chuva morna cai daquele pôr-do-sol eterno.

– A sensação é maravilhosa. Eu nunca senti uma chuva tão boa. Sinto vontade de bebê-la, de deitar-me nela.(2)

Marta afastou-se seduzida. Nunca vi um homem nu, ela confessou.(3) Achava que o clima ficaria tenso demais e que haveria uma certa ambigüidade no ar. Não saberia como se comportar.(4)

– Quero ir embora já… Quero ir embora…(5)

– É uma moleca tola. Só leva meu dinheiro, come feito frade e dorme o dia inteiro.(6)

O major tomou tudo aquilo como um escárnio que o gênio da vadiagem e do garotismo lhe fazia.

A comadre, apenas ouviu a declaração, tratou de retirar-se, e não pôde também deixar de achar graça no caso.(7)

_____________________

1. Pedro Juan GUTIÉRREZ. Trilogia suja de Havana. 1998. Tradução de José Rubens Siqueira. Companhia das Letras. São Paulo. 2001, parte: Sabor a mi; Casino Esperanza, p.283.

2. Libba BRAY. Belezas perigosas. 2003. Tradução de Léa Viveiros de Castro. Rocco. Rio de Janeiro.2008, Rocco  Jovens Leitores, p.230.

3. Nélida PIÑON. A casa da paixão. 1972. Nova Fronteira. Rio de Janeiro. 1982, 4ª edição, p.112.

4. Colm TÓIBÍN. A luz do farol. 1999. Tradução de Alexandre Hubner. Companhia das Letras. São Paulo. 2004, p.158.

5. Miguel Ángel ASTURIAS. O papa verde. 1952. Tradução de Glória Rodriguez. Brasiliense. São Paulo. 1973, p.239.

6. Ana MIRANDA. Boca do inferno. 1989. Companhia das Letras. São Paulo. 2007, Companhia de Bolso, p.242.

7. Manuel Antônio de ALMEIDA. Memórias de um sargento de milícias. 1852-1853. FTD. São Paulo. 1996, 3ª edição, p.136.

Anúncios

2 responses to this post.

  1. Seu trabalho é, de fato, original e iluminado.
    Super parabéns!!!
    Estarei sempre por aqui.

    Abração e sucesso

  2. Obrigado, Leonardo. Fico feliz que você esteja gostando. Grande abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: